Notas sobre as Tensões entre Modernidade e Modernização Conservadora na Assistência Social: Relações entre Organizações Filantrópicas e Estado no Âmbito Local

Elisa Maria de A. Brisola, Leonardo Barbagallo, Maria Regina Namura

Resumo


O presente artigo discute as possibilidades de implementação do Sistema Único de Assistência Social-Suas, na região do Vale do Paraíba, particularmente em Taubaté, tendo em vista as condicionalidades da região no que se refere à cultura conservadora das organizações sem fins lucrativos que compõem a rede social. O Sistema Único da Assistência Social –Suas, é o novo modelo de gestão da Assistência Social, que visa articular ações e serviços para o atendimento das necessidades sociais dos usuários desta política. Na cultura conservadora – presente nas práticas assistenciais, os privilégios contrapõem-se ao direito. O desafio que se impõe é o de romper com visões assistencialistas e a tradicional cultura de negação do direito presididas pela meritocracia e clientelismo.

Palavras-chave


assistência social, cultura política, direitos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.