A GESTÃO DO CONHECIMENTO NO CONTEXTO AMAZÔNICO: UM ESTUDO EM COOPERATIVAS DE CRÉDITO

Edmilson Maria de Brito, Fabricio Ziviani, Josmária Lima Ribeiro de Oliveira, Juliana Maria Magalhães Christino

Resumo


Os avanços tecnológicos ocorridos nos últimos anos têm proporcionado a disseminação do conhecimento em patamares até então inimagináveis. Envolto nesse cenário, a Gestão do Conhecimento passou a ser tema de discussão, pois na sociedade do Conhecimento, o capital intelectual e a capacidade de geração de conhecimento, são ingredientes necessários para a competitividade. As cooperativas de Crédito têm se tornado importante ferramenta de inclusão social e forte mecanismo de distribuição de renda, principalmente na região Amazônica. O objetivo do estudo consistiu em analisar as práticas da Gestão do Conhecimento nas Cooperativas de Crédito dos Estados de Rondônia, Acre e Amazonas. Trata-se de uma pesquisa quantitativa de natureza descritiva, utilizando a técnica Survey para a coleta de dados. O instrumento de coleta de dados foi composto de 30 perguntas fechadas, foram utilizadas as escalas do tipo Likert de cinco pontos, variando de “discordo totalmente” a “concordo totalmente”, elaboradas a partir do modelo de gerenciamento do conhecimento proposto por Terra (2001). Os dados foram coletados eletronicamente através do LimeSurvey, sendo que a pesquisa foi direcionada às cooperativas filiadas ao sistema SICOOB e CREDISIS, e os dados foram tratados estatisticamente com o software R. Os resultados apontam que as cooperativas têm avançado gradativamente no campo da gestão do conhecimento. Como conclusão acredita-se que o cooperativismo, assim como a Gestão do Conhecimento, são temas ainda recentes na história brasileira e no ambiente acadêmico, principalmente na região amazônica, portanto necessitam da expansão das pesquisas e também de investimentos.

Palavras-chave


Gestão do Conhecimento; Práticas de Gestão do Conhecimento; Cooperativas de Crédito

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.