REESTRUTURAÇÃO ECONÔMICA E PRODUTIVA DOS MUNICÍPIOS DA ZONA DE PRODUÇÃO PRINCIPAL DA BACIA PETROLÍFERA DE CAMPOS

Elzira Lúcia Oliveira, Gustavo Henrique Naves Givisiez, Denise Cunha Tavares Terra

Resumo


O Estado do Rio de Janeiro experimenta uma nova configuração econômica e produtiva que se estende para Zona de Produção Principal da Bacia de Campos, em virtude dos efeitos multiplicadores da economia petrolífera. As transformações processadas vêm alterando o perfil das economias locais. Este artigo analisa o perfil produtivo dos munícipios da Região Norte do Estado do Rio de Janeiro, no Brasil, mais os municípios da Zona de Produção Principal (ZPP) de Exploração de Petróleo e Gás da Bacia de Campos. Foram construídos indicadores de análise regional e locacional por meio dos dados dos Censos Demográficos e da Relação Anual de Informações Sociais – (RAIS). A reestruturação econômica e produtiva no conjunto dos municípios da Zona de Produção Principal e dos municípios do Norte fluminense indicam que os principais efeitos da instalação da indústria do petróleo se fazem sentir nos municípios vizinhos à Macaé. Os municípios mais ao Sul e da região metropolitana estão inseridos em dinâmica econômica distinta.

Palavras-chave


Reestruturação Econômica. Petróleo e Gás. Bacia de Campos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.