AVALIAÇÃO DAS AÇÕES DO PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA NO NASF PARA QUALIDADE DE VIDA EM SAÚDE DA MULHER NAS FASES DE CLIMATÉRIO, MENOPAUSA E PÓS-MENOPAUSA

Domingos Sávio Teixeira Geraldo, Quesia Postigo Kamimura

Resumo


O envelhecimento e a transição menopausal podem impactar negativamente na Qualidade de Vida em Saúde das mulheres. Os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) é um importante subterfúgio para apoiar e intensificar as ações das Equipes de Saúde da Família (ESF) na rede de serviços visando aumentar a resolução das situações/problemas e a qualidade da Atenção Básica. A promoção das atividades físicas faz parte destas estratégias, e o Educador Físico é o profissional capacitado para planejar e executar estas ações. Neste estudo avaliaram-se as ações do Educador Físico na modelagem dos serviços de saúde no NASF para Qualidade de Vida em Saúde, da mulher nas fases do climatério, menopausa e pós-menopausa no município de Mineiros - GO. O método aplicado foi de natureza descritiva e exploratória e teve duas abordagens: A qualitativa por intermédio de uma entrevista semi-estruturada com os cinco profissionais integrantes do NASF e a quantitativa com um grupo de 108 mulheres, divididas em dois subgrupos; um grupo com 54 mulheres que praticam atividade física e outro com 54 mulheres que não praticam atividade física, ambos com idade acima de 45 anos e cadastradas na UBS D. Florinda na cidade de Mineiros – GO. O resultado apontou que a modelagem dos serviços de saúde, por meio do NASF, neste estudo específico e na ação específica, contribuiu por meio das ações do profissional de Educação Física no NASF para a Qualidade de Vida em Saúde das mulheres na fase do envelhecimento ovariano.

Palavras-chave


Políticas Públicas. Saúde pública. Saúde da família. Educador físico. Desenvolvimento Regional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.