EXISTE ALGUMA REGIÃO PARA DESENVOLVER? UM QUESTIONAMENTO DESDE O PENSAMENTO SOCIAL LATINO-AMERICANO

Luciana Butzke, Ivo Marcos Theis, Oklinger Mantovanelli Júnior

Resumo


O objetivo deste artigo é o de problematizar alguns conceitos que utilizamos nos estudos sobre desenvolvimento regional, partindo do pensamento social latino-americano. A questão que pretendemos responder é: como os conceitos de região e desenvolvimento passam a “significar” o conhecimento e as experiências históricas naquilo que se passou a chamar de América Latina? É possível ressignificá-los com a ajuda do pensamento social latino-americano? Partimos do pressuposto de que estes conceitos trazem significados e experiências de outros espaços e tempos que se impõem aos nossos espaços e tempos. Todavia, há de se considerar que conceitos também são carregados de significados e podem ser usados para recuperar o que foi negado. Para tanto, buscamos resgatar no pensamento social e na constituição das ciências sociais na América Latina elementos deste conhecimento localizado que possam contribuir para a ampliação dos significados e das experiências daquilo que passamos a chamar região e desenvolvimento.

Palavras-chave


Região. Desenvolvimento. Colonialidade. Decolonialidade. América Latina.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.