Caracterização e agrupamento de municípios de Minas Gerais em relação à agricultura familiar

Miguel Rivera Peres Jr., Viviane Guimarães Pereira, Paulo Henrique de Lima Siqueira, Luiz Marcelo Antonialli

Resumo


A agricultura familiar tem notória diversidade de formas sociais, organizativas e de produção, interferindo na pretensão de caracterizá-la no Estado de Minas Gerais, igualmente diverso em seu território, em sua economia e cultura. A presente pesquisa teve como objetivo a identificação de padrões caracterizadores deste segmento em suas assimetrias e elementos distintivos, neste território, valendo-se dos dados constantes do Censo Agropecuário de 2006 para avaliar sua composição e distribuição entre os municípios mineiros, visando identificar seu perfil e sua contribuição para o desenvolvimento econômico e social do estado. Quanto a metodologia, trata-se de um estudo exploratório, de cunho quantitativo, em que são usadas duas técnicas estatísticas multivariadas, análise fatorial e análise de clusters. Os resultados apontam que características distintas marcam a agricultura familiar nas cidades mineiras relacionadas, principalmente, com as condições socioeconômicas, o que, consequentemente, implica em realidades alternativas nos municípios. Essa é, talvez, a maior contribuição do trabalho uma vez que explicitando as diferenciações existentes entre os municípios e agrupando-os em conjunto homogêneos, os resultados aqui apresentados poderão contribuir para uma melhor compreensão da agricultura familiar em Minas Gerais.

Palavras-chave


Agricultura Familiar; Análise Fatorial; Clusters

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X