SISTEMAS AGROFLORESTAIS BIODIVERSOS: UMA ALTERNATIVA PARA PEQUENAS PROPRIEDADES RURAIS

Giseli Mendonça Camargo, Madalena Maria Schlindwein, Milton Parron Padovan, Luciana Ferreira da Silva

Resumo


Os Sistemas Agroflorestais Biodiversos (SAFs) são apontados como uma forma de agricultura mais sustentável e, por esse motivo, constituem-se como um importante instrumento na busca da garantia da segurança alimentar e nutricional, da conservação e da melhoria ambiental e na luta contra a pobreza rural. Nesse sentido, procurou-se, com este trabalho, demonstrar a contribuição dos SAFs biodiversos para as pequenas propriedades rurais do Estado de Mato Grosso do Sul (MS). Para isso, analisou-se 18 (dezoito) sistemas implantados nos municípios de Bonito, Bodoquena e Ponta Porã. Para a realização deste trabalho, realizou-se pesquisa de campo para a coleta de dados, que posteriormente foram analisados e processados no software SPSS. Os resultados demonstram que, apesar das limitações encontradas, pode-se concluir que os SAFs biodiversos apresentam resultados positivos, principalmente nas dimensões ambiental e social, apresentando-se, assim, como opção viável para as pequenas propriedades rurais da agricultura familiar. Para os agricultores que participaram desta pesquisa, esses sistemas atendem as suas principais expectativas, tendo em vista que as principais motivações para sua implantação são a produção de alimentos e a melhoria do clima.

Palavras-chave


Agricultura Familiar; Sistemas Produtivos; Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X