As infra-estruturas de circulação e transporte e a configuração da paisagem no médio no Vale do Paraíba

Emmanuel Antonio dos Santos

Resumo


exclusão sócio espacial de grande parcela da população das possibilidades de uso e apropriação dos sistemas de circulação e transportes de modo seguro e eficaz para a sua subsistência decorre, sobretudo, do seu desenho, o qual resulta dos objetivos pragmáticos de acumulação para os quais foram pensados. Do mesmo modo as paisagens que deles resultam são, de um lado, simulacros de situação desejada, e, de outro, resto, sobra sem importância. Através de uma discussão sobre a constituição desses sistemas na região do médio Vale do Paraíba, analisando-se os seus traçados, tempos e desenhos, procura-se identificar situações de valoração do ambiente e paisagem e situações de acirramento da exclusão, no sentido de chamar a atenção para a necessidade de se compreender que mobilidade, por meio da infra-estrutura de circulação e transporte nem sempre significa acessibilidade plena.

Palavras-chave


Paisagem, ambiente, circulação, espaço, ordem, exclusão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X