AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA E DA EFICIÊNCIA DO PROGRAMA LUZ PARA TODOS

Lívia Aladim Matosinhos, Mateus Pereira Lavorato, Suely de Fátima Ramos Silveira

Resumo


O Governo Federal instituiu, em 2003, o Programa “Luz para Todos” (LPT). Por se tratar de uma política pública de relevante impacto socioeconômico e vultuoso investimento governamental, faz-se necessário avaliar seus resultados. Visto isso, objetivou-se avaliar o LPT em termos de eficácia e eficiência. Para tanto, construiu-se um indicador de atendimento de suas metas e aplicou-se um modelo de Análise Envoltória de Dados. Os resultados indicam que grande parte dos estados brasileiros já havia superado a meta de eletrificação até 2014. Dentre as exceções há concentração de estados da região Norte. Por outro lado, os estados mais eficientes estavam concentrados na região Nordeste, enquanto o Centro-Oeste possuía os estados menos eficientes. Conclui-se que, em geral, o LPT tem sido capaz de atingir tanto as suas metas quanto os seus objetivos.

Palavras-chave


Eficiência. Eficácia. Eletrificação Rural. Programa “Luz para Todos”. Políticas Públicas

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X