Importância dos setores primário, secundário e terciário para o desenvolvimento sustentável

Alexandre Nascimento de Almeida, João Carlos Garzel Leodoro da Silva, Humberto Angelo

Resumo


O desenvolvimento sustentável é fundamentado em cima de três pilares: econômico, social e ambiental. A partir destes, o presente trabalho analisou a sustentabilidade de uma economia fundamentada, essencialmente, em seu setor primário. Para tanto, foram ajustados modelos econométricos com o emprego do método dos Mínimos Quadrados Ordinários (MQO) com dados de corte para 174 países. Como variáveis explicativas consideraram-se as participações dos setores primário, secundário e terciário no PIB dos países analisados. Os resultados indicaram uma relação negativa entre um aumento da participação do setor primário na economia com a renda per capita e o IDH. Para as outras variáveis a direção do sinal foi positiva. Desta forma, a partir dos resultados e revisão de literatura, conclui-se que um desenvolvimento dependente fundamentalmente do setor primário é incompatível com um desenvolvimento sustentável sob a ótica econômica, social e ambiental.

Palavras-chave


valor agregado; indústria; economia; econometria

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.






ISSN 1809-239X